Saturday, January 29, 2011

Vivendo e aprendendo: Tragedy of the commons na econometria IV

Hoje eu tive uma surpresa agradável lendo o artigo “Economics, History, and Causation”, por Randall Morck and Bernard Yeung. Recomendo a leitura do artigo.

Os autores argumentam a favor de mais interação entre história e economia (nada especial aqui), mas um insight que eles apresentaram me pegou de surpresa.

Existiria um problema de tragedy of the commons afetando o uso de variáveis instrumentais advindas da história para a pesquisa econômica.

Tentando resumir concisamente: toda a vez que uma variável é usada com sucesso como instrumento, cria-se um problema de variável latente para todos os outros possíveis usos desta variável, passados e futuros.

Por exemplo, como Acemoglu, Johnson e Robinson (AJR) usaram a mortalidade dos colonos europeus como instrumento para a qualidade das instituições nas ex-colônias, então qualquer outro artigo que use este instrumento também deve usar a medida de qualidade de instituições como um controle adicional! Pior que isso: se algum artigo subseqüente descobrir que a mortalidade dos colonos é um bom instrumento para, digamos, produtividade agrícola, então produtividade agrícola torna-se uma variável latente na especificação de AJR!

Friday, January 14, 2011

SOS Vale do Cuiabá

Eu recebi o pedido de ajuda às vítimas da catástrofe do Vale do Cuiabá em um e-mail do José Roberto Afonso, que é um cara que eu apóio 200% (100% confiável + 100% competente). Se você puder colaborar, não pense duas vezes.

SOS Vale do Cuiabá é uma iniciativa para ajudar no socorro e recuperação especificamente do distrito de Itaipava/Petrópolis que foi devastado no último 11 de janeiro.

Órgãos públicos, ONGs e famílias já estão prestando apoiando valioso - com alimentação, roupas, e assistência médica. Mas existem outras necessidades e, o principal, que devem mudar a cada momento. Por exemplo, na manhã de 14/1, faltam mais máquinas/tratores para limpeza de rios e ruas e minigeradores para localidades ainda sem luz. No futuro, podem ser necessárias organizar frentes de trabalho e de creches para crianças das regiões. Por isso, o pedido de apoio financeiro.

A AMOBEC - Associação Moradores Boa Esperança e Cuiabá, presidida por Lairton T.Carvalho, está pedindo doações. Amigos da região, como José Roberto Afonso e Andreia Gouveia Vieira, e outros que deverão vir a participar, estarão acompanhando a aplicação dos recursos.

Balanço das compras feitas com doações será divulgado pela internet, assim como outras notícias serão divulgadas no twitter e no facebook em: SOSValeCuiaba.

Doações no: Banco do Brasil, agência 3159-3, conta 312491-6, CNPJ 01.668.507/0001-80, em favor de AMOBEC Associação Moradores Boa Esperança Cuiabá.

Se puder repassar aos seus amigos este pedido, agradecemos desde já.

Os efeitos de longo-prazo da imigração subsidiada para o Rio Grande do Sul

Meu artigo com o Leonardo Monasterio (aquele do famoso blog) sobre as colônias gaúchas do século XIX está pronto e depositado no MPRA.

O artigo é “Immigration and the origins of regional inequality: Government-sponsored European migration to Southern Brazil before World War I”.

Seu título original era "How Bodo Became Brazilian: European Migration to Southern Brazil Before World War I", mas foi abandonado depois que o Leonardo apresentou o artigo em uma conferência na Paris School of Economics, e recebemos críticas por nossa ignorância que o proverbial Bodo era um camponês franco, e não germânico.

O resumo diz:

This paper studies the long-term consequences of the government-sponsored programs of European immigration to Southern Brazil before the Great War. We find that the municipalities closer to the original sites of nineteenth century government sponsored settlements (colônias) have higher per capita income, less poverty and dependence on Bolsa Família cash transfers, better health and education outcomes; and for the areas close to German colonies, also less inequality of income and educational outcomes than otherwise. Since that is a reduced form relationship, we then attempt to identify the relative importance of more egalitarian landholdings and higher initial human capital in determining those outcomes. Our findings are suggestive that more egalitarian land distribution played a more important role than higher initial human capital in achieving the good outcomes associated with closeness to a colônia.

Tuesday, January 11, 2011

Minhas últimas aquisições: Wirth e Hilton

Eu gosto bastante da pesquisa do Stanley Hilton (que eu já conhecia de ler seu artigo sobre o papel dos militares na industrialização brasileira). Já o John D. Wirth é um autor que conhecia apenas de citações, mas nunca havia lido antes. Estou lendo o “The Politics...” agora.

The Politics of Brazilian Development, 1930-1954
John D. Wirth (Author)

The Oil Business in Latin America: The Early Years
John D. Wirth (Editor)

Hitler's Secret War in South America, 1939-1945
Stanley E. Hilton (Author)

Brazil and the Great Powers, 1930-1939
Stanley E. Hilton (Author)